5 Estados que mais arrecadam com IPVA

Os proprietários de veículos brasileiros possuem um compromisso anual muito importante: o pagamento do IPVA. Esta é a principal forma do Detran de cada estado fazer a sua arrecadação e dar continuidade a obras e projetos. Alguns Estados arrecadam bem mais que outros. Saiba quais são a seguir. 

Os 5 Estados que mais arrecadam com IPVA

Os Estados brasileiros arrecadam IPVA de acordo com a sua população e proprietários de veículos. Então alguns números parecem de fato ser gigantes em montante mas na verdade não passam de um proporcional de acordo com o território e população da região. 

Os cinco estados que mais arrecadam em imposto e IPVA são:

  • São Paulo – mais de R$ 13,5 milhões para uma população de 44 milhões de pessoas;
  • Minas Gerais – mais de R$ 4 milhões para uma população de 20 milhões de pessoas;
  • Rio Grande do Sul – mais de R$ 2 milhões para uma população de 11 milhões de pessoas;
  • Paraná – mais de R$ 2 milhões para uma população de 11 milhões de pessoas;
  • Rio de Janeiro – mais de R$ 2 milhões para uma população de 16 milhões de pessoas.

Na lista acima o leitor pode notar que nem sempre o Estado com maior população arrecada mais. O IPVA MG é mais arrecadado que o do Rio de Janeiro, por exemplo, mesmo tendo uma população menor. Também influencia o grau de desenvolvimento econômico da região para esta estatística subir ou descer.

Você sabe por que o IPVA é importante?

A arrecadação do IPVA é mais do que importante. É necessária para as vias públicas serem devidamente sinalizadas e os funcionários do Detran serem pagos.

Pode parecer muito o valor mas na verdade não é. Um dos principais motivos do IPVA ser mais alto é a quantidade de pagantes. Estima-se segundo dados do próprio Departamento de Trânsito que menos de 80% dos proprietários estejam com o imposto em dia. Infelizmente quem paga acaba pagando por quem não paga, como a maior parte das tarifas no Brasil. 

A verba do IPVA é destinada a obras em vias públicas em pagar os diversos serviços que o Detran realiza. E são muitos. Os técnicos para solicitar a inspeção veicular, os agentes de trânsito, as fiscalizações, dentre outros. 

Riscos de não estar com o IPVA em dia

O imposto anual deve ser pago na data limite informada no boleto. Pode ser à vista ou em parcelas, mas quitação total em única parcela vai com 10% de desconto. 

Não pagar o imposto gera alguns contratempos. O mais importante é o veículo não estar legalizado e por isso não pode circular na rua. Neste caso ele pode ser multado, apreendido e só liberado quando o importo for pago. 

Para quitar o IPVA basta acessar o site do Detran de sua cidade para consultar o boleto ou se dirigir até uma unidade do Detran mais próxima. Há ainda a opção de se dirigir até uma sede da Secretaria da Fazenda (Sefaz). A negociação é feita de pronto mas terceiros são atendidos apenas com procuração autenticada em cartório com a finalidade especificada.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *